Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Taras Da Lina

Geminiana de signo. Nascida à beira-mar e a viver nas montanhas. Gosto de viajar pelo mundo, pelos livros e pelo cinema. Licenciada em Comunicação. Dona de um pastor alemão. Convicta que a vida sabe sempre o que faz.

As Taras Da Lina

Geminiana de signo. Nascida à beira-mar e a viver nas montanhas. Gosto de viajar pelo mundo, pelos livros e pelo cinema. Licenciada em Comunicação. Dona de um pastor alemão. Convicta que a vida sabe sempre o que faz.

Sex | 25.03.16

Caminho de Santiago

RP

Dizem que muda a nossa vida. Não digo que tenha mudado a minha de uma forma que vai mudar todo o rumo da minha existência. Mas que é uma aventura para a vida é...

O caminho de Santiago ajuda a ver a vida de uma forma mais simples e desprendida.

Antes de começar desprendi-me das redes sociais e o telemóvel só usava para avisar que estava bem ao fim do dia.

Os cremes e pequenos "confortos" do dia-a-dia ficaram em casa. Toda a grama que pudermos poupar às costas melhor. 

A roupa era a do corpo e pouco mais. A comida é o que desse jeito. 

Aprendemos que conseguimos viver com pouco. Que ainda é possível viver num mundo à parte. (Só quando cheguei a Santiago é que soube das tristes coisas que aconteceram em Bélgica). Que o que achámos essencial por vezes não nos faz falta nenhuma. A apreciar os laços que nos unem às pessoas que dividem o caminho connosco. A ser humanos e a oferecer ajuda ou a dividir comida com outros. A apreciar toda a beleza dos sítios que nos rodeiam. A sermos desenrascados à falta de recursos. E acima de tudo aprendemos que quando pensamos que não conseguimos dar mais um passo, conseguimos ainda fazer mais 5 km. 

Aqui ficam umas imagens. A quem pensar em fazer só digo: "Vão em frente... E buen camiño!"

IMG_2255.JPG

IMG_2483.JPG

IMG_2537.JPG

IMG_2701.JPG

 

IMG_3298.JPG

 

IMG_2893.JPG

 

IMG_2956.JPG

IMG_3038.JPG

IMG_3187.JPG

 

 

IMG_20160323_135513.jpg

 

 (Fotos da minha autoria)

Ter | 15.03.16

Caminho de Santiago - Mochila

RP

A 4 dias de embarcar nesta aventura que é o caminho ando às voltas com a mochila. 

O ideal é levar apenas 10% do nosso peso corporal.

São muitos km que nos aguardam e toda a grama se transforma em kg ao fim de uns tempos.

E, pronto, já se sabe que uma mulher a fazer malas é um filme.

Mete roupa, tira roupa, ponho isto que vou precisar, afinal tiro que não é assim tão necessário, e por aí...

Bem por agora baseio-me em roupa, toalha, mínimo de produtos de higiene, medicamentos, carregador de telemóvel, guia e máquina fotográfica.

O que achamos que é essencial nem sempre o é...

E vocês? Alguém já fez? O que levaram?