Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Taras Da Lina

Geminiana de signo. Nascida à beira-mar e a viver nas montanhas. Gosto de viajar pelo mundo, pelos livros e pelo cinema. Licenciada em Comunicação. Dona de um pastor alemão. Convicta que a vida sabe sempre o que faz.

As Taras Da Lina

Geminiana de signo. Nascida à beira-mar e a viver nas montanhas. Gosto de viajar pelo mundo, pelos livros e pelo cinema. Licenciada em Comunicação. Dona de um pastor alemão. Convicta que a vida sabe sempre o que faz.

Qua | 10.04.19

Regresa a mi - Il Divo

RP

Quem se lembra destes charmosos?

Confesso que tinha uma queda pelo suíço (o de cabelinho mais comprido).

"No me abandones así
Hablando solo de ti
Ven y devuélveme al fin
La sonrisa que se fue
Una vez más
Tocar tu piel
E hondo suspirar
Recuperemos lo que se ha perdido
Regresa a mi
Quiéreme otra vez
Borra el dolor
Que al irte me dio
Cuando te separaste de mí
Dime que si
Yo no quiero llorar
Regresa a mi
Quiéreme otra vez
Borra el dolor
Que al irte me dio
Cuando te separaste de mí
Dime que si
Yo no quiero llorar
Extraño el amor que se fue
Extraño la dicha también
Quiero que vengas a mí
Y me vuelvas a querer
No puedo más
Si tu no estas
Tienes que llegar
Mi vida se apaga
Sin ti a mi lado
Regresa a mi
Quiéreme otra vez
Borra el dolor
Que al irte me dio
Cuando te separaste de mí
Dime que si
Yo no quiero llorar
No me abandones así
Hablando solo de ti
Devuélveme la pasión de tus brazos
Regresa a mi
Quiéreme otra vez
Borra el dolor
Que al irte me dio
Cuando te separaste de mí
Dime que si
Yo no quiero llorar
Borra el dolor
Que al irte me dio
Cuando te separaste de mí
Dime que si
Dime que si
Regresa a mi
Quiéreme otra vez
Borra el dolor
Que al irte me dio
Cuando te separaste de mí
Dime que si
Yo no quiero llorar
Regresa a mi
Quiéreme otra vez
Borra el dolor
Que al irte me dio
Cuando te separaste de mí
Dime que si
Yo no quiero llorar"

 

Seg | 08.04.19

Maturidade

RP

"Existem pessoas que parecem destinadas a ficarem juntas. Existem pessoas que parecem destinadas a se distanciarem. É triste, parece meio cruel, mas é verdade: infelizmente, nem sempre o amor é o bastante para que duas pessoas permaneçam juntas pelo resto da vida.

Ninguém consegue explicar direito sentimentos, ainda mais aqueles que se relacionam com a paixão amorosa. Fato é que, de repente, lá estão se sentindo atraídas pessoas que poderiam já se conhecer ou mesmo nunca terem se visto antes. É química, é suor, é pele arrepiada, vontade de se ver, de conversar, de ficar junto. E daí ficam

Até aí, tudo bem, o duro é quando passam as horas, os dias, semanas, meses, e começa o cotidiano, a rotina, a mesmice. E começam os problemas que sempre aparecem na vida de todo mundo. Inevitavelmente, a paixão arrefece, enquanto os choques de realidade aumentam. O que era somente leveza começa a pesar. Ou se firma o amor, ou há desencontro.

Na verdade, existem pessoas que se amam, mas não conseguem ficar juntas e não somente em uniões amorosas. Familiares, colegas, em todo tipo de relacionamento, pode haver amor e carinho envolvido, mas impossibilidade de convivência duradoura. Muitas pessoas possuem alguém de quem gostam bastante, mas com quem brigam muito.

Dizem que o amor tudo suporta, porém, pessoas com visões de mundo muito dissonantes, com experiências e crenças que destoam demais daquilo em que os parceiros carregam dentro de si, dificilmente conseguirão conviver sem se cobrarem demais, sem se machucar, sem machucar um ao outro. Não conseguirão ficar juntas, sem anulação, ressentimento, frustração.

Existem pessoas que são mais felizes longe de nós e também somos melhores longe delas. Nesses casos, teremos que ter a consciência de que a convivência nunca será pacífica e tranquila. Que tenhamos, pois, a maturidade necessária para entendermos que sentiremos falta de certas pessoas que já saíram de nossas vidas, mas será melhor ficar cada um no seu canto."

Texto retirado do site "Portal Raízes"

Seg | 01.04.19

Abril

RP

Hoje começa Abril.

O ano passado foi o meu mês negro. No qual fiquei sem chão e me custou imenso levantar.

Hoje, por um restinho de mágoa que ainda possa haver algures dentro de mim, compreendo que foi o que tinha de ser. E que tenho que confiar mais na vida quando ela me coloca algo no caminho e também quando me retira.

Sê bem vindo Abril. Este ano estou confiante que terei bem mais a agradecer-te que a reclamar.

Pelo menos assim espero. 

tumblr_onr24qI1Lu1tycnqfo1_1280.jpg

 

Pág. 3/3