Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As Taras Da Lina

Comunicadora, Sonhadora, Sardenta, Desastrada q.b., Geminiana, Cinéfila, Leitora Compulsiva, Fotógrafa Amadora, Dog Person e Cidadã do Mundo mas a viver em Portugal. Be my guest ;)

As Taras Da Lina

Comunicadora, Sonhadora, Sardenta, Desastrada q.b., Geminiana, Cinéfila, Leitora Compulsiva, Fotógrafa Amadora, Dog Person e Cidadã do Mundo mas a viver em Portugal. Be my guest ;)

A era dos filtros

Vivemos na era dos filtros. As pessoas tiram uma foto e antes a postar nas redes sociais é só filtros, embelezamentos, photoshops entre outras mudanças, tudo pela busca dos 1500 likes e de comentários a gabar a beleza natural que de natural tem pouco. E depois passamos pelas pessoas na rua e não as reconhecemos. Ou elas são identificadas em fotos de terceiros e nem parecem as mesmas. Apesar de tudo estes filtros não me incomodam e a meu ver são os mais inofensivos.

O problema são os outros filtros. Pessoas que gostam de se passar pelo que não são. Que gostam de provocar, de infernizar, ou pelo menos tentar, a vida aos outros. Pessoas que parecem não fazer mal a uma mosca e no fundo tentam fazer mal a toda a gente, ou pelo menos, aquelas que acham que serão concorrência em algum aspeto seja no campo profissional, pessoal ou até de relacionamentos.  Nunca gostei desse género de filtros. Até porque no meu caso se não gosto de algo por muito que não abra a boca nota-se na minha cara. Mas o facto de não gostar desse género de gente não quer dizer que lhes faça o mesmo. Se toda a gente tentasse infernizar a minha vida como eu infernizo a deles estaríamos todos a viver em paz. Sim eu digo tentar porque até posso reparar quando alguém me tenta “atacar” mas faço de conta porque honestamente as coisas e pessoas só têm a importância que nós lhe dermos. E como já disse numa crónica anterior as pessoas que atualmente não gostam de mim e tentam picar-me não me conseguem pôr mal nem chateada apenas e só me dão sono. E isso não era necessário porque já sofro de sono que chegue.

Portanto meus caros, filtros só no instagram para embelezar paisagens e parecer que somos fotógrafos profissionais, porque lá a vida é sempre perfeita. Na vida real, aquela que nem sempre corre bem, usem filtros só para filtrar o que de bom nos acontece, os amigos que valem a pena… Ou para filtrar o chá. Filtros para me fazer melhor que alguém dispenso. Até porque não estou acima de ninguém… Mas também não estou abaixo. E parecer uma pessoa super simpática, super querida e amorosa e depois andar a tentar tramar os outros ou a picar por querer algo que as outras pessoas têm ou tiveram… Não dá para mim. E também não deveria dar para vocês. De facto vivemos na era dos filtros. Não vão em modas e façam como eu, fiquem-se pelos das redes sociais.