Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As Taras Da Lina

Geminiana de signo. Nascida à beira-mar e a viver nas montanhas. Gosto de viajar pelo mundo, pelos livros e pelo cinema. Licenciada em Comunicação. Dona de um pastor alemão. Convicta que a vida sabe sempre o que faz.

As Taras Da Lina

Geminiana de signo. Nascida à beira-mar e a viver nas montanhas. Gosto de viajar pelo mundo, pelos livros e pelo cinema. Licenciada em Comunicação. Dona de um pastor alemão. Convicta que a vida sabe sempre o que faz.

Seg | 26.10.20

Dicas para se amar a si mesmo

RP

Hoje deixo-vos dicas sobre amor próprio que descobri num artigo da página Conti Outra. Partilho convosco porque é um assunto com o qual lido diariamente e apesar de saber que devo gostar de mim acima de qualquer coisa nem sempre consigo cumprir. 

Caso queiram ler na íntegra podem fazê-lo aqui.

1. Mostre-se como você é

Você gosta de dançar no meio da pista? Faça isso! Gostaria de passar pela vida com cabelos verdes? Faça-o! Você está cansado de esconder sua condição sexual? Não se esconda! Custa você se relacionar com os outros? Aproveite as atividades individuais!

Não importa se os outros olharem para você, o criticarem ou até mesmo rirem de você. Se você estiver feliz fazendo alguma coisa, então não deve deixá-la por nada nesse mundo.

Isso se aplica tanto à sua aparência externa quanto às suas emoções e opiniões. Se você for 100% autêntico, você obterá melhores resultados do que se você se esconder atrás de uma máscara ou um personagem.

Não sabia? Para ser feliz é preciso aprender a se afastar de certas pessoas

2. Valorize suas ideias e decisões

Outra das dicas para se amar é desenvolver a capacidade de dizer o que você pensa. Contanto que você mantenha boas maneiras e seja gentil, você pode se expressar como desejar.

Suas opiniões são suas e de nenhuma outra pessoa. Não dê razão aos outros para agradá-los, não traia suas ideias ou deixe suas verdades.

Quando tomar boas decisões, felicite-se. Não se deixe incomodar com os erros. Todos cometemos erros e isso nos torna humanos. Além disso, podemos aprender com eles no futuro.

Não hesite em dar um deleite quando fizer as coisas certas e não se repreenda quando não o conseguir.

3. Deixe de lado as críticas

Existem dois tipos de críticas: construtivas e destrutivas. Infelizmente, geralmente usamos mais o último.

Um de seus problemas é que eles nos fazem sentir inferiores, indignos de alegria ou boas notícias, tristes, deprimidos e angustiados.

E, claro, não nos permite amar a nós mesmos.

Recuse-se a criticar-se por qualquer coisa e, se o fizer, que seja como um alerta para melhorar no futuro. Mude o ponto de vista e concentre-se no que você pode modificar.

Se ao invés de criticar você aprovar ou destacar o bem, então você se sentirá melhor com você mesmo.

4. Diga adeus aos medos

Tudo o que dá medo o afasta da felicidade e da alegria. Mas, atenção, porque é normal ter medo em algumas situações. O importante é enfrentá-los e superar os obstáculos.

Quando você superar essas barreiras, você poderá desfrutar de um impressionante desenvolvimento pessoal. E você vai dizer, eu tenho sido capaz de enfrentar o que eu temia tanto! Sem dúvida, esse é um passo muito importante na tarefa de amar a si mesmo.

5. Concentre-se em suas qualidades

Faça uma lista (mental, se quiser) com tudo o que você considera bom em você. Talvez no início você ache que não tem nada favorável, mas ficará surpreso ao saber quantas qualidades você tem.

Mesmo que sejam pequenas ou você as considera insignificantes… elas podem ajudá-lo a se sentir melhor com você.

Se você olhar para suas virtudes, nas coisas que você fez bem na vida e nos seus pequenos triunfos diários, então você se sentirá mais feliz consigo mesmo.

Além disso, não se esqueça de que os pensamentos positivos atraem mais coisas boas e sua autoestima aumentará em breve.

Quanto mais você pensar sobre algo, mais importante será para você. Concentre-se em suas realizações e você pode se amar como você é.

6. Não se compare

Isso só levará à infelicidade e aos sentimentos de inferioridade. É claro que outros são melhores que nós em muitas coisas, mas também somos superiores aos outros em vários outros aspectos.

Com seus pontos fortes e suas virtudes você é único e você não pode comparar-se com aqueles ao seu redor, exceto se seu objetivo é levá-los como um exemplo para melhorar a cada dia.

Não esqueça que você vale muito mais do que você pensa. Você é importante para seus amigos e sua família. Para eles, você não pode ser substituído por mais ninguém. Você deveria pensar o mesmo.

Amar a si mesmo é uma tarefa que requer muita concentração e entusiasmo. Também precisa de alguma disciplina e muita paciência."

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.