Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As Taras Da Lina

Geminiana de signo. Nascida à beira-mar e a viver nas montanhas. Gosto de viajar pelo mundo, pelos livros e pelo cinema. Licenciada em Comunicação. Dona de um pastor alemão. Convicta que a vida sabe sempre o que faz.

As Taras Da Lina

Geminiana de signo. Nascida à beira-mar e a viver nas montanhas. Gosto de viajar pelo mundo, pelos livros e pelo cinema. Licenciada em Comunicação. Dona de um pastor alemão. Convicta que a vida sabe sempre o que faz.

Ter | 10.12.19

Não é igual para todos

RP
Quando nasces tens direito a todos os procedimentos no que toca a saúde mas não é igual para todos.
És criança, brincas e tens a tua inocência protegida mas não é igual para todos.
Vais para a escola, aprender a ler, a escrever e a fazer contas mas não é igual para todos.
Tens uma casa para te receber ao fim do dia, tens comida na mesa mas não é igual para todos.
Tens acesso a água potável e a condições de higiene mas não é igual para todos.
Tens serviços de saúde para as mais diversas patologias mas não é igual para todos.
Podes ocupar os teus tempos livres com atividades como música, teatro, desporto, mas não é igual para todos.
Podes mover-te e viajar pelo mundo mas não é igual para todos.
Podes andar na rua em segurança mas não é igual para todos.
No Natal tens a família reunida, a mesa farta e presentes debaixo da árvore mas não é igual para todos.
Tens paz, vives numa zona segura mas não é igual para todos.
És livre para viver, sentir, dizer e escrever o que queres mas não é igual para todos.
Em Dia Internacional dos Direitos Humanos deixo o mote. Por vezes reclamamos de muitas coisas na vida porque quando nascemos temos uma vasta opção de direitos que damos como adquiridos.
Mas há quem esteja bem pior que nós e não reclama.
Há quem sonhe com a vida que nós temos.
Não, não é igual para todos.
Pensa nisso.
 
 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.